A diferença do padre conservador e do padre tradicional

Dentro do Catolicismo, conservador na maioria das vezes é um vocábulo usado pra denominar aqueles católicos que aderiram às reformas do Vaticano II na luz do que a Igreja sempre ensinou, prezam pelo Novus Ordo bem celebrado, são avessos aos chamados abusos liturgicos da TL e da RCC e seus ensinamentos heréticos ou com sabor heretizante. O termo conservador no tocante à Igreja é em si mesmo um termo ambíguo. Porque conservador é aquele que conserva alguma coisa. A questão então é: conservam o quê? O status quo? Conservam seu cargo ou sua posição? 

Aprendendo latim - primeira aula


Salve Maria!

É com muita alegria que eu, David, graduando do 6º período de Letras Português/Latim na Universidade Federal do Rio de Janeiro, compartilho com os irmãos em Cristo o ensino da lingua latina que tanto se popularizou desde a publicação e aplicação do Motu Proprio Summorum Pontificum de Sua Santidade Emérita Bento XVI. O mito de que não se entende nada da Missa em latim tem caído por terra não apenas pelo interesse da juventude pelo sagrado, mas sim pelo interesse em aprender a língua que pode ser considerada como a língua dos anjos.

Antes de aprender o latim como qualquer outro idioma, é fato que a pessoa tem que saber o português. Infelizmente o vício virtual linguístico tem impedido o indivíduo de raciocinar pequenos exercícios simples como a conjugação do verbo. Vai ser trabalhoso ensinar o gerundivo latino se a pessoa nem sabe como encontrar em um constituínte o sujeito, predicado, complemento relativo e circunstancial. 

Estamos aqui para aprender juntos, qualquer dúvida que os leitores tiverem podem se manifestar. O método é simples e fácil de compreensão, e estarei postando as aulas em etapas.

Batismo do filho de lésbicas. Podemos negar sacramento?

An nescitis quia iniqui regnum Dei non possidebunt nolite errare neque fornicarii neque idolis servientes neque adulteri neque molles neque masculorum concubitores neque fures neque avari neque ebriosi neque maledici neque rapaces regnum Dei possidebunt. Epistula I ad Corinthios, 6, 9-10

A imoralidade do ato homossexual não é uma verdade de fé. É uma verdade de razão.

No dia 5 de abril deste ano, desgraçadamente ocorreu um batismo na Catedral de Córdoba - Argentina - cujos pais(?) são uma dupla de lésbicas, que para comemorar o ato de compreensão e carinho do padre, deram um beijo na boca dentro do templo sagrado.

O pároco da Catedral, Carlos Varas, raposa velha progressista, afirmou depois do escândalo: “Bautizar, nosotros bautizamos siempre. No se puede negar a nadie que lo pide. Que pueda ser un caso particular es por situaciones, la primera vez siempre llama la atención”

Estaria ele certo? Ou devemos negar o sacramento nesses casos?

Perdão: é obrigatório ou facultativo?


Tunc accedens Petrus ad eum dixit Domine quotiens peccabit in me frater meus et dimittam ei usque septies? Dicit illi Iesus non dico tibi usque septies sed usque septuagies septies Evangelium secundum Matthaeum, 18,21-22 

Quando sofremos algum ataque, seja físico ou pelo sentimento,  nosso sistema se prepara para reagir. O que fazer com toda essa carga energética que foi gerada dentro de nós? Entregar a Deus e pedir que Ele perdoe quem nos feriu? Seria o rancor como uma predisposição para cometer atos de vinganças? O rancor consistiria em todos os comportamentos que denunciam no indivíduo uma considerável probabilidade dele executar um ato de retaliação? Nunca saberemos, pois as definições de dicionário são prolixas, para dizer o mínimo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

©2009 APOSTOLADO TRADIÇÃO EM FOCO com Roma | "A verdade é definida como a conformidade da coisa com a inteligência" Doctor Angelicus Tomás de Aquino