.

LIVRO DO PAPA SAI NO DIA 10 DE MARÇO








Cidade do Vaticano, 18 fev (RV) - A segunda parte do livro ‘Jesus de Nazaré’, do Papa Bento XVI, será apresentada no próximo dia 10 de março.

Neste segundo volume, são tocadas a Paixão, morte e ressurreição de Cristo e os momentos mais decisivos na vida de Jesus, segundo o Papa Ratzinger. São aprofundados também os motivos pelos quais foi condenado e quem são os culpados por sua morte.

Em julho passado, o diretor da Sala de Imprensa, Pe. Federico Lombardi, revelou que o Pontífice já está escrevendo a terceira parte do livro, dedicada à infância de Jesus e ao início de sua pregação.

A primeira parte de "Jesus de Nazaré", que saiu em 2007 (e levou 4 anos para ser escrito) apresenta um Jesus “real, o histórico” e afirma que Cristo é uma figura “historicamente sensata e convincente”. Bento XVI estuda a vida pública de Jesus de Nazaré desde o batismo no Rio Jordão até a Transfiguração e denuncia: “o mundo que exclui Deus e se apega apenas à realidade visível e material corre o risco de se autodestruir na busca egoísta do bem-estar exclusivamente material”.

Em sua análise da vida de Jesus, Bento XVI faz referência ao mundo atual advertindo que as ajudas do Ocidente aos países em desenvolvimento, “baseadas em princípios puramente técnicos e materiais, não só deixou Deus de lado, mas também afastou os homens dele com o orgulho da presunção. Isso fez do Terceiro Mundo um contexto de terceira classe”.

Editado pela Livraria Editora Vaticana (LEV), que possui todos os direitos autorais de Bento XVI, na primeira edição do segundo volume, serão distribuídas 300 mil cópias. 

Fonte:Rádio Vaticano

 

©2009 Tradição em foco com Roma | "A verdade é definida como a conformidade da coisa com a inteligência" Doctor Angelicus Tomás de Aquino