.

6 de julho - Dia de Santa Maria Goretti, virgem e mártir


Boa noite, caros leitores.

Hoje, a Igreja celebra uma santa do nosso tempo que preferiu o martírio a pecar contra a castidade. O nome dela é Maria Goretti.

Um breve resumo da história dessa jovem, que morreu em 1902, com apenas 11 anos de idade, pode ser lida aqui

Escrevo sobre Maria Goretti, primeiramente porque é uma das minhas santas de devoção, que invoco na luta diária contra o pecado.

Depois, porque olho para a história dela e olho para nossa realidade atual e me entristeço muito com um mundo que já viu santas como Luzia, Águeda, Inês, Cecília, aqui no Brasil nossa Beata Albertina Berkenbrock, entre outras que tiveram suas vidas ceifadas e abreviadas pelo mesmo ideal: o de não ofender a Deus pecando contra sua pureza.

Atualmente, vemos uma sociedade e até mesmo sacerdotes pregando o contrário: que pecar contra a castidade é "normal", é "coisa de jovem", faz parte da "experiência" e do "amadurecimento" da vida. E, comparando com o exemplo de Santa Maria Goretti, sinto vergonha de pertencer a essa geração.

Além de muitos pais e mães irresponsáveis e até mesmo irracionais, que desde cedo ensinam para os filhos que podem dormir na casa do/a namorado/a, desde que se use camisinha. Este, um instrumento do inimigo que jamais deveria estar presente, nem mesmo em pensamento, em uma família que se diz católica.


Sou jovem, tenho 22 anos, vivo minha Fé e sou feliz por viver minha castidade e assim ensinarei pros meus filhos, se o Senhor me presentear com essa graça futuramente. Peçamos a intercessão de Santa Maria Goretti para que todos os jovens possam entender a beleza desse Mandamento da Lei de Deus.


PAX CHRISTI

 

©2009 Tradição em foco com Roma | "A verdade é definida como a conformidade da coisa com a inteligência" Doctor Angelicus Tomás de Aquino