.

A Suma Teológica de Santo Tomás de Aquino em forma de Catecismo (2ª Parte, Seção 1, Tópico 3)


“A Suma Teológica de Santo Tomás de Aquino em forma de Catecismo” do Pe. Tomas Pégues, O. P., é uma excelente obra para aqueles que desejam iniciar o estudo da Obra Magna de Santo Tomás. Um tanto raro aqui no Brasil, haja vista que sua última edição em português data do início da década de 40, este livro é formulado como todos os catecismos tradicionais em perguntas e respostas e é de agradável leitura.

PRIMEIRA PARTE: DE DEUS, SER SOBERANO E SENHOR DE TODAS AS COISAS


PRIMEIRA SEÇÃO: NOÇÕES GERAIS ACERCA DO MODO COMO O HOMEM TEM DE VOLTAR A DEUS


III. DO OBJETO DA FELICIDADE


Em que consiste o objeto da felicidade do homem?

O objeto da felicidade do homem consiste num bem superior a ele, e o único capaz de acumulá-lo de perfeições (II. 1-8).

As riquezas são o objeto desta felicidade?
Não; não são as riquezas, pois elas são inferiores ao homem e incapazes, por si mesmas, de aperfeiçoá-lo (II. 1).

São as honras?
Não; não são honras porque elas não trazem a perfeição; já a supõem, sob pena de serem falsas, e se são falsas, nada são (II. 2).

É a glória ou a fama?
Não, pois estas já supõem méritos, já por serem, neste mundo, coisa muito frágil e volúvel (II. 3).

É o poder?
Não, porque o poder não se dá para o bem próprio, mas sim para o bem dos outros, e está sujeito a caprichos e ao espírito da insubordinação (II. 4).

É a saúde ou beleza física?
Não, porque esses bens são muito inconsistentes e passageiros​​ e, além disso, pertencem apenas à perfeição externa do homem e não a sua perfeição interna ou a de sua alma (II. 5).

Tal objeto consiste nos prazeres dos sentidos?
Não; não consiste nos prazeres do corpo, uma vez que estes são de pouca importância em comparação com os prazeres delicados da alma (II. 6).

Logo, o objeto da felicidade consiste em algo que traz perfeição diretamente à alma?
Sim (II. 7).

Qual é este bem?
É Deus, o Sumo Bem, Soberano e Infinito (II. 8).

 

©2009 Tradição em foco com Roma | "A verdade é definida como a conformidade da coisa com a inteligência" Doctor Angelicus Tomás de Aquino